sexta-feira, 9 de julho de 2010

O QUE VOCÊ TEM A DIZER?

O QUE VOCÊ TEM A DIZER?


 

Nesta semana, creio que todos ficaram perplexos, estupefatos, estarrecidos diante do desenvolvimento do caso do desaparecimento de Eliza, amante do goleiro Bruno, agora ex-jogador do Flamengo.

Diante deste fato escrevemos este texto, que não tem como objetivo emitir algum juízo condenatório, afirmando ou culpando o jogador. Entretanto, podemos analisar o fato, colocando-o diante da luz dos princípios que a Bíblia expõe como alertas para que não sejamos alvos e objetos das armadilhas de Satanás que certamente podem nos destruir...

Consideremos algumas situações que não foram levadas em conta por Bruno e Eliza: 1) O estabelecimento de um relacionamento fora dos princípios bíblicos: "Ele era casado e envolveu-se em um relacionamento extraconjugal;" 2) A geração de um filho fora do relacionamento conjugal; 3) o problema da descoberta do relacionamento extraconjugal pela família.

Como conseqüência da quebra dos princípios estabelecidos por Deus, o relacionamento entre os dois gerou uma terrível tragédia. Tragédia esta, que se confirmada, é fruto de uma crueldade desumana. Mas, um caso semelhante causou furor e escândalo há milhares de anos atrás: A relação do Rei Davi com Beteseba. Foi uma aventura do rei Davi que produziu uma tragédia que afetou sua vida pessoal, famíliar, o seu reino e a vida de dois inocentes.

Os casos do Rei Davi e de Bruno são similares: 1) Tiveram uma relação extraconjugal; 2) Tiveram filhos gerados como fruto deste relacionamento; 3) Houve uma tentativa de solução do problema que no final acabou gerando mortes.

Qual foi o problema do Rei Davi e de Bruno? PECADO! Pecado que segundo Tiago é fruto da cobiça, do desejo incontrolado, da paixão lasciva. Por isso Tiago diz: "Então, a cobiça, depois de haver concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, uma vez consumado, gera a morte." O Apóstolo Paulo afirmou: "o salário do pecado é a morte." Não brinque com o pecado! Pois as conseqüências são sempre terríveis!

Rev. Luiz Carlos Correa

Pastor da Igreja Presbiteriana de Cabo Frio

2 comentários:

Levi Alexandre disse...

Parabéns reverendo!

"Bem aventurado os que tem fome e sede de justiça."

Levi Alexandre disse...
Este comentário foi removido pelo autor.